• A gestão que faz a diferença


Produtos químicos insalubres e perigosos


Exames complementares tudo em sede propria



Produtos químicos insalubres e perigosos

Os produtos químicos armazenados e manuseados em sua empresa não caracterizam periculosidade e/ou insalubridade?
O primeiro passo para saber é informar o técnico de segurança sobre todo o processo de trabalho de todos os setores na hora da visita para elaboração do PPRA! O técnico de segurança indicará a NR 15 e/ou NR16 se houver necessidade. 
 
No momento da visita do técnico de segurança para a elaboração do PPRA é muito importante o papel de quem o acompanha pela empresa. É preciso que seja uma pessoa que realmente saiba todo processo de trabalho de todos os setores e informe se há produtos químicos em estoque, quais produtos são utilizados, se há funcionários externos, se há determinadas tarefas que são executadas somente em um período do dia, como por exemplo, utilização de fornos, etc. A partir dessas informações e da
verificação de tudo que há na empresa/fábrica, o técnico de segurança desenvolve um PPRA que supre a necessidade do que foi apresentado, faz as orientações necessárias e indica outras NR’s que precisam ser elaboradas para evitar problemas com multas e indenizações em processos trabalhistas. Veja alguns exemplos de outras NR’s que podem ser necessárias:
Produtos Químicos perigosos: Dependendo dos produtos químicos que são manuseado e da quantidade armazenada, é fundamental a NR 16 para que uma análise mais detalhada seja feita através do Laudo de Periculosidade.
Produtos Insalubres: Dependendo do produto que o funcionário entra em contato, é preciso verificar se a quantidade e o tempo de exposição são nocivos a saúde através das especificações da NR 15, elaborando assim o Laudo Ambiental.
 
Entre em contato conosco para mais esclarecimentos!